22.365.203 IGREJA DE NOSSA SENHORA DOS AFLITOS
FENAIS DA AJUDA • RUA DA IGREJA, RIBEIRA FUNDA
EDIFÍCIO ISOLADO
ARQUITECTURA RELIGIOSA
ÉPOCA DE CONSTRUÇÃO INICIAL: SÉC.XX
DESCRIÇÃO: Igreja composta pelo corpo principal (que corresponde à nave única), pelo corpo mais estreito da capela-mor, pela torre sineira, pelo baptistério e pela sacristia, sendo estes dois últimos corpos de construção mais recente. O interior foi alvo de obras que o descaracterizaram.
A fachada principal é enquadrada pelos cunhais e por uma cornija que segue pelas fachadas laterais, sob o beiral. Os cunhais prolongam-se acima da cornija e são encimados por pináculos. Sobre a cornija assenta um frontão com o vértice superior cortado e encimado por uma cruz. Na base da cruz está inscrita a data "1904". No tímpano, junto ao vértice, há uma cartela com a inscrição "N.S.A." e, mais abaixo, está um par de elementos decorativos semelhantes a outro par situado abaixo do frontão. Tanto a porta da fachada principal como ambas as portas laterais são rematadas em arco quebrado.
A torre sineira situa-se do lado esquerdo, ligeiramente recuada em relação à fachada principal. Está dividida em dois níveis por uma cornija: o inferior, mais alto, tem um óculo cego em forma de coração invertido; o superior tem os vãos dos sinos que são rematados em arco de volta inteira peraltado, assente em impostas, com as ombreiras prolongadas até à cornija inferior. É rematada por uma cornija onde assenta uma balaustrada com pináculos nos ângulos.
O imóvel é construído em alvenaria de pedra rebocada e pintada de branco, excepto os cunhais, as cornijas, as molduras dos vãos, a balaustrada, os pináculos e os elementos decorativos que são em cantaria à vista. Tem uma faixa pintada de cinzento a simular o soco. As coberturas do corpo principal e da capela-mor são de duas águas, em telha de meia-cana tradicional, com telhão na cumeeira e beiral duplo.
ELEMENTOS DATADOS: Inscrição na base da cruz sobre o frontão: "1904".
ESTADO DE CONSERVAÇÃO: Bom
FUNÇÃO INICIAL: Igreja
FUNÇÃO ACTUAL: Igreja paroquial
BIBLIOGRAFIA E DOCUMENTAÇÃO DE REFERÊNCIA: "Noticia sobre as igrejas, ermidas e altares da Ilha de S. Miguel", Ernesto do Canto, Insulana, vol. LVI, Instituto Cultural de Ponta Delgada, Ponta Delgada, 2000.
DATA DE LEVANTAMENTO: 2003-03-03
< anteriores





mapa: 365
São Miguel, Ribeira Grande
Inventário do Património Imóvel dos Açores
Última actualização em 2008-01-22